terça-feira, 22 de abril de 2014

Acredite se quiser




(à moda portuguesa)

 O maior ditador vivo já morreu, só que ainda não sabe disso.

 A Escócia é o único país do mundo onde o uísque não é falsificado.

→ O pombo-correio não usa selo.

 Fotografado milímetro a milímetro, qualquer círculo pode ser classificado como quadrado.

 Todo detetive tem mania de perseguição.

→ A sopa de pedra foi inventada por um dentista desempregado.

 A roupa só começou a ser passada a seco depois de verificada a impossibilidade de passá-la completamente molhada.

 Os relógios funcionam da esquerda para a direita porque seu inventor era canhoto.

 Apesar de ser o símbolo da água, a fórmula H20 foi escrita numa lousa seca.

 Existe uma série infindável de pais da aviação, dos quais Bartolomeu de Gusmão, os irmãos Whrigt e Santos Dumont são os mais conhecidos. Entretanto, a identidade da mãe da aviação continua um mistério absoluto.

 Os primatas saíram definitivamente das cavernas quando um deles exclamou: “Se o sol nasce para todos, o que é que estamos a fazer aqui dentro?”

 O primeiro disco voador que apareceu na terra andava a 78 rotações por minuto.

 Ontário Gepetto, cientista italiano, pretende enxugar o Oceano a fim de provar que no fundo, o mar é seco.

 Se o governador de Macau convencesse todos os chineses a falar português, a nossa língua seria a mais falada do mundo.

 Narciso era tão vaidoso que resolveu tornar-se narcisista. E Marx nunca foi marxista por excesso de modéstia.

 O grande sonho de Calígula era tornar-se um sádico e só não o conseguiu porque, no seu tempo, o sadismo ainda não tinha sido inventado.

 O futuro é uma espécie de presente que ainda não aconteceu.

 O peixe quando se constipa evita espirrar para não morrer afogado.

 Marco Polo foi o primeiro agente de viagens.

 Diógenes procurava um homem porque não gostava de jogar cartas sozinho.

 Judas foi o primeiro capitalista mal-sucedido da História.

 As estatísticas provam: de uma família de três irmãos, o segundo é sempre o produto do meio.

 Antony Vallone, o maior gago do mundo, bateu o seu próprio recorde ao completar uma frase de dez palavras em dois dias e quatro horas.

 Para quem morreu na Primeira Guerra Mundial a Segunda Guerra Mundial nunca existiu.

 O anel de casamento, apesar do uso voluntário, constitui a algema mais pequena do mundo.

 Cristóvão Colombo estava sentado quando pôs o ovo em pé.

 O filme “Casablanca” é mais famoso que a cidade do mesmo nome.

 Todo e qualquer horóscopo se torna exato desde que se acredite na existência de mundos paralelos.

 No tempo dos jatos e da internet, o castigo ainda vem a cavalo.

 Aborrecido pelo fato de sua tia se chamar Urraca, D. Afonso Henriques resolveu vingar-se, 
fundando Portugal.

 Se o cão tivesse bom faro, não teria o homem como seu melhor amigo.

 O cinema mudo é muito falado nas cinematecas.

 Você pode achar impossível, mas é possível que o impossível não possa acontecer.

 O cavalo branco de Napoleão ficava vermelho de raiva quando saia à rua em dias cinzentos.

 Você pode não acreditar, mas, na Suíça, o sujeito só consegue um atestado de pobreza se conseguir provar que tem uma conta bancária numerada no Brasil.



(Frases do livro “Breviário de Assuntos Inúteis”, de José Alberto Braga)


Nenhum comentário:

Postar um comentário