sábado, 5 de abril de 2014

Máximas populares sobre o casamento



Antes marido feio e laborioso do que bonito e preguiçoso.

Antes velha com dinheiro que moça com bom cabelo.

Ao marido serve-o como amigo e guarda-te dele como inimigo.

Ao velho recém-casado rezar-lhe por finado.

A ti digo, filha; estende-o tu, nora.

O que é casar? Fiar, fiar, parir e chorar.

A magra baila na boda, e não a gorda.

A melhor esposa é aquela de quem ninguém diz mal nem bem.

A mulher que te quiser, não dirá o que em ti houver.

Antes barba branca para tua filha do que moço sem retranca.

Casa o filho quando quiseres e a filha quando puderes.

Casarás e amansarás.

Casar, casar, soa bem e sabe mal.

Casar não é casaca que se vista e dispa.

Casa teu filho com seu igual que ninguém te dirá mal.

(Almanaque do Correio do Povo de 1960)


Nenhum comentário:

Postar um comentário