segunda-feira, 14 de abril de 2014

O Realismo


01.  Época:
- O Realismo, em nossas letras, manifestou-se na segunda metade do século XIX

02.  Data e obra que assinala o início do Realismo:
- 1881 - ano da publicação de “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis.

03.  A que estilo se opõe o Realismo:
- Combatendo o individualismo e os valores burgueses, o Realismo opõe-se ao Romantismo.

04Ideias que predominavam na sociedade contemporânea ao Realismo:

     - O Realismo reflete uma sociedade em que à cristalização da burguesia, do capitalismo e da industrialização corresponde ao surgimento do proletariado (operários). Tais contradições manifestam-se na Filosofia de Hegel, no Positivismo de Auguste Comte, no Socialismo de Proudhon, no evolucionismo de Charles Darwin.

05.  Origem do Realismo:
- O Realismo originou-se na França, a partir das pinturas de Coubert e dos Romances de Gustave Flaubert (“Madame Bovary”, 1857).

06.  Principais características da prosa Realista:
- caracteriza-se pela intenção de fazer predominar, na arte, o real sobre o imaginário;
- por documentar o seu mundo contemporâneo;
- por encarar a Arte como instrumento de difusão de novos ideais políticos e filosóficos;
- pela defesa de ideias anti-românticas, anti-religiosas e antimonárquicas;
- pela forma exigente e trabalhada;
     - fidelidade ao objeto: a preocupação fundamental do escritor realista é apresentar a história, a personagem, a cena, a paisagem, a coisa enfim, como é na realidade, sem desfigurá-la.


07.  Principal prosador brasileiro ligado ao Realismo:
- Joaquim Maria MACHADO DE ASSIS
- Nasceu no Rio de Janeiro (Morro do Livramento) em 1839. Aí faleceu em 1908. 
- De origem humilde, órfão muito cedo, gago, mulato, epilético. Tendo provado privações, conseguiu Machado, com muito esforço, chegar a funcionário público, depois de ter sido aprendiz de tipógrafo e redator.
- Tímido e reservado, autodidata apaixonado, conseguiu transformar-se no melhor prosador de nossas letras. Fundou, com Joaquim Nabuco e outros, a Academia Brasileira de Letras (1897),


08.  Obras: (apenas os romances de Machado de Assis)*
- 1ª fase: (Romântica) - “Ressurreição”, “A Mão e a Luva”, “Helena”, “Iaiá Garcia” (de 1872 a 1878);

- 2ª fase: (Realista) = “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, “Quincas Borba”, “Dom Casmurro”, “Esaú e Jacó” e “Memorial de Aires” (de 1881 a 1908).

-   foi, ainda, contista, teatrólogo e poeta.


Machado de Assis, jovem



Nenhum comentário:

Postar um comentário