quinta-feira, 10 de abril de 2014

O recado do sacristão

      

Em uma igrejinha do interior gaúcho, aconteceu que o Padre estando doente, não pôde levantar-se para celebrar a missa, num domingo... Chamou então o sacristão e lhe disse:
- Darás aos fiéis os seguintes avisos:

1°) Que o padre está muito doente, mas que não se importem por não assistirem à missa, porque não há falta nenhuma da parte deles;

2°) que na quarta-feira próxima, festa de São Pedro e São Paulo e antevéspera da primeira sexta-feira do mês, haverá confissão e no domingo se fará a coleta para o Santo Padre, o Papa;

3°) que ainda na quarta-feira o padre fará o casamento do senhor Nicola com a senhorita Camila e se conhecem algum impedimento, estão na obrigação de declará-lo;

4°) Finalmente, diga-lhes que aquele que perdeu um pacote na igreja, pode reclamá-lo.

Vejamos gora como se desempenhou da missão o pobre sacristão:

- O Padre está doente, mas não deveis inquietar-vos por isso, pois não é pecado.

- Quinta-feira próxima é a primeira sexta-feira do mês e nosso Santo Padre, o Papa, virá fazer a coleta.

- Quarta-feira é festa do Nicola e da Camila e o padre fará o casamento de São Pedro e São Paulo; se alguém conhece algum impedimento, pode metê-lo no pacote que se encontra na sacristia da igreja.

Barbeiro na forca

Vão enforcar um barbeiro e o confessor diz-lhe que concedem a última vontade:
- Que me tragam o meu advogado. Quero barbeá-lo.

Pedido impossível

O freguês entrou ma barbearia, esperou sua vez, sentou-se, e o barbeiro trabalhou nele com dedicação de um artista. Ao terminar, colocou-lhe o espelho por trás da nuca do freguês, que olhou, olhou e disse:
- Por favor, um pouco mais comprido em cima.
E tornou a se acomodar na cadeira, esperando a última demão.



Nenhum comentário:

Postar um comentário