segunda-feira, 3 de agosto de 2015

5 tops dos tops



5 Maiores injustiçados da música brasileira

Por Nelson Motta, jornalista, escritor e produtor

· Wilson Simonal (hors-concours)

· Johnny Alf

· Rosa Passos

· Sérgio Sampaio

· Walter Franco

5 Museus mais interessantes do mundo

Por Daniela Thomas, cenógrafa e diretora  de arte, cinema e teatro

· Museu do Prado, em Madri. Para ver “As Meninas”, de Velásquez e a fase negra de Goya.

· Beaubourg (Centre Georges Pompidou), em paris. Tem as melhores coleções de arte moderna e uma arquitetura que não envelhece.

· Glyptoteket, em Munique. Um museu maravilhoso, com um acervo de estátuas gregas e romanas e uma arquitetura impressionante.

· Naturhistorisches Museum Wien (Museu da História Natural de Viena). Todo feito com armário do século XIX, parece uma sala de curiosidades, como se quisessem mapear o planeta em quadrinhos.

· Museu da História da Medicina (Josephinum), em Viena. Superinteressante, com réplicas de anatomia humana feitas em cera com uma fidelidade impressionante, dispostas em vitrines delicadas do século XIX.

5 Cenários ideais para uma festa no Rio de Janeiro

Por Cabbet Araújo, empresário da noite e usina de ideias

· Jardins da Casa de Rui Barbosa, em Botafogo

· Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), na avenida Brasil

· Estação de trem Central do Brasil

· Estação do metrô Cardeal Arco Verde

· Quinta da Boa Vista

5 Melhores capas de vinil

Por Charles Gavin, baterista fissurado por vinil

· “Secos&Molhados” (Continental), 1973). Simplesmente a capa mais importante e carismática do rock brasileiro

· Zé Ramalho: “A peleja do diabo com o dono do céu! (Epic, 1980). Zé Ramalho queria montar uma cena que ilustrasse bem o título de seu segundo LP. Para isso convidou Xuxa Lopes e Zé do Caixão para posarem ao seu lado na foto da capa. Clássica e culta.

· Nara Leão; “Nara” (Elenco, 1964). Aloysio de Oliveira escolheu Cesar Vilella para elaborar a capa do disco de estreia da musa, e muitas outras da Elenco. O seu design arrojado, moderno e minimalista de Vilella acabou fazendo história na música brasileira.

· “Clube da Esquina” (Odeon, 1972). Essa foto, tirada dentro do carro pelo artista plástico Cafi, no interior de Minas Gerais, acabou se tornando o símbolo visual do projeto capitaneado por Milton Nascimento e Lô Borges. Certamente essa é uma das imagens mais emblemáticas da MPB na década de 70.

· Bezerra da Silva: “Eu não sou santo” (BMG Ariola, 1990). Mais atual do que na época que o disco foi lançado, a colagem da capa desse álbum de Bezerra da Silva é um soco direto no estômago de nossa consciência.

5 Gols mais bonitos da história do Maracanã

Pela equipe de esporte do Globo

· Pelé, em Santos 3 X 1 Fluminense. Campeonato Brasileiro, março de 1961: Pelé atravessou o campo conduzindo a bola, driblou três jogadores pelo caminho e, já na área adversária, chutou no canto direito, sem defesa para o goleiro tricolor Castilho.

· Bebeto, em Brasil 2 X 1 Argentina. Quartas de final da Copa América, julho de 1989. Silas vai à linha de fundo e cruza para Romário, que ajeita para Bebeto emendar de primeira em voleio indefensável.

· Roberto Dinamite, em Vasco 2 X 1 Botafogo. Campeonato Carioca, maio de 1976: pouco antes da pequena área, Roberto mata no peito, dá um lençol no zagueiro botafoguense Osmar e, sem deixar a bola cair, acerta o chute no canto direito do goleiro.

· Rivelino, em Fluminense 1 X 0 Vasco. Campeonato Carioca, junho de 1975: Rivelino para diante do vascaíno Alcir Portela e, segundos depois, dá o drible que passaria a ser conhecido como “Elástico”, passando a bola por debaixo das pernas do marcador. Na sequência, arranca para a área, dribla mais dois jogadores, ameaça tocar no canto direito e conclui, com categoria, no canto esquerdo do goleiro argentino Andrada.

· Ademir Menezes: Ademir, em Vasco 2 X 1 América: Decisão do Campeonato Carioca de 1950. Ademir: conhecido como Queixada, marcou os dois gols na primeira final do estadual disputado no recém-inaugurado Maracanã.

5 Praias mais bonitas do Brasil

Por Fred D¢Orey, Estilista, surfista e rato e areia

· Ponta do Camarão, Sul da Bahia, ao lado da Praia de Caraíva. Pra não ver ninguém.

· Praia de Itaúna, Saquarema. Pelas ondas.

· Posto 8, Ipanema, em frente ao Fasano. Pra ir a pé.

· Riozinho do Campeche, Praia do Campeche, Florianópolis. Gente bonita.

· Praia da Conceição, Fernando de Noronha. Rasta vibe.

5 Peças que toda mulher deve ter no armário

Por Alice Autran Garcia, Coordenadora de moda da Revista O Globo

· Um blazer preto bem cortado.

· Uma bela camisa branca.

· Uma calça jeans com caimento impecável.

· Um sapato de salto de boa qualidade, bem acabado e confortável.

· Muitos acessórios.

5 Peças que todo homem deve ter no armário

Por Júlio Rego, Consultor de estilo masculino

· Calça jeans. É a maior invenção da moda, na minha opinião. Boa para qualquer hora do dia e da noite.
· Um tênis discreto. Que se possa usar também para sair à noite.

· T-shirts básicas. Uma roupa universal, desde Marlon Brando.

· Um bom blazer azul-marinho ou preto. Sem botões dourados, por favor.

· Uma camisa de colarinho para usar à noite.

Obs.:
Para complementar, recomendo duas calças: uma cinza para a noite e uma bege para o dia; dois pares de sapato: um mocassim para o verão e, claro, cabide. Um bom cabide não amassa a roupa e matem o vinco da calça.

5 Melhores desfiles da Marquês de Sapucaí

Por Hiram Araújo, Medico e enciclopédia viva do carnaval

· “Tupinicópólis” (Mocidade Independente, 1987).

· “Ratos e Urubus, larguem a minha fantasia” (Beija-Flor, 1989).

· “Gentileza X O profeta do fogo” (Grande Rio, 2001).

· “Kizomba”, a festa da raça” (Vila Isabel, 1988).

· “Ziriguidum 2001, carnaval nas estrelas” (Mocidade Independente, 1985).

5 Cuidados que toda mulher deve ter a partir dos 30

Por Paula Belloti, Dermatologista da moda

Procurar a orientação de um dermatologista. Parece bobagem, mas muita acaba piorando o estado da pelo usando produtos que são ótimos para uns, mas péssimos para outros.

Transformar em hábito, realmente o uso de filtro solar todo dia. A partir dessa idade, os efeitos nocivos do sol são visíveis. Ele acelera a degradação do DNA celular que fabrica colágeno novo. Normalmente, um filtro com o fator 15 já basta para os dias de sol e chuva.

Fazer a cada seis meses uma sessão de Thermacool. Radiofrequência que contrai a fibra colágena e remodela o colágeno desgastado, prevenindo a flacidez facial

Usar um creme a base de ácido retinoico diariamente à noite. E fazer um pelling de ácido retinoico uma vez por mês para estimular a produção de colágeno novo.

Fazer a cada três ou seis meses uma sessão do sistema Ellos. É um laser com três ponteiras que, de uma só vez, trata manchas, flacidez ou rugas finas.

5 Melhores filmes dos últimos cinco anos

Por Rodrigo Fonseca, Crítico de cinema do Globo

· “Brilho eterno de uma mente sem lembrança”, de Michel Gondry.

· “Old Boy”, de Park Chan-Wook.

· “Tropa de Elite” (I e II), de José Padilha.

· “Conta a parede”, de Faith Akin.

· “Batman – O cavaleiro das trevas”, de Chistopher Nolan.

5 Maiores jogadores da história do campeonato brasileiro

Por Roberto Assaf, jornalista e enciclopédia viva do futebol

· Zico. Ganhou quatro dos cinco títulos conquistados pelo Flamengo.

· Rogério Ceni. Um símbolo das conquistas do São Paulo.

· Roberto Dinamite. É o maior artilheiro da história do campeonato. Fez 190 gols nos brasileiros que disputou.

· Falcão. Um craque. Grande condutor do tricampeonato do Internacional.

· Edmundo. Ganhou três campeonatos, dois pelo Palmeiras e um pelo Vasco. Neste último, ele quebrou vários recordes. Um deles continua de pé: maior número de gols em uma só partida. Foi no jogo Vasco 6 X 0 União São João todos os gols marcados por Edmundo, em 1997.


Nenhum comentário:

Postar um comentário