quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Bolitas - O jogo



“Bola de Gude é um jogo desenvolvido pela empresa brasileira Icon Games. Com gráficos totalmente em 3D, o jogo é uma simulação do tradicional jogo de bolinhas de gude. Bola de Gude ganhou recentemente mais dois prêmios no site Bytten Independent Game Reviews, o primeiro Jogo Mais Original no Ernies 2006 Awards, e o segundo Estrela de Ouro, com um placar total de 98% na análise do jogo.”

Essas são informações da internet. Talvez sejam úteis para os leitores jovens. Eu sou do tempo em que, para jogar bolita, bastava uma pequena área plana de terra batida, algumas bolinhas de vidro, e tempo livre… muito tempo livre.

Eu me achava da antiga, porque ainda lembro termos como: tria, boco, paredinha, raia, nicar, aça, águida, às ganha, às brinca, bochão… e também de algumas regras que organizavam as disputas. Recordo também que, antigamente, um quilo de sal de cozinha vinha numa embalagem de tecido branco. Era o saquinho perfeito em que muitos guris guardavam suas bolitas.

Fiquei sabendo, agora, que “da antiga” mesmo é o jogo de bolinhas. As primeiras teriam rolado no Egito, em 3000 a.C. Na Grécia e no Império Romano também se jogava.

No quadro Jogos Infantis, pintado por Pieter Bruegel em 1560, aparecem meninos que, ao que tudo indica, jogam bola de gude (detalhe abaixo).


(Do Almanaque Gaúcho – ZH)


Nenhum comentário:

Postar um comentário