sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Humor: Diferenças linguísticas


Texto exibe as diferenças entre o português falado
 no Brasil e em Portugal



Dr. Manoel, médico português, depois da sua primeira consulta, após sua chegada ao Brasil, está sem documentos e impossibilitado de falar, além de estar com amnésia.

Segundo testemunhas que estavam no Posto de Saúde do Alto José do Pinho, tudo começou por culpa do Dr. Manoel. Segue o relato das testemunhas:

Ao chegar ao posto de saúde para trabalhar aqui no Brasil, Dr. Manoel (médico português), cuidou logo de se posicionar na sua mesa, e começou a consultar os pacientes.

Primeiro uma jovem mulher com seu filho de cinco anos.

Dr. Manoel:

‒ Rapariga, quem está doente, tu ou esse puto?

Paciente:

‒ Rapariga é o carai! e meu filho não é puto porra nenhuma!

Dr. Manoel (admirado com a reação da Paciente e percebendo que a mulher estava com dengue) disse a ela:

‒ Pois, pois... Então vá para trás desta bicha, apontando para Zé Tripé, um negão de dois metros por um de largura, pois te vou aplicar uma pica no cu.

Pronto! Daí pra frente Dr. Manoel começou a apanhar do homem e da mulher e perdeu a memória.

Observação:

rapariga em Portugal é uma jovem mulher;

puto em Portugal é menino;

bicha em Portugal é fila;

pica em Portugal é injeção;

e cu, que não é palavrão, é bunda.

Em Portugal, cuidado ao dizer:


crica: vagina
cona: vagina
pila: pênis
durex: camisinha
olho do cu: ânus
broche: sexo oral
fazer um bico: sexo oral
paneleiro: gay (pejorativo)
breque: pum
fufa: lésbica (pejorativo)
dar uma queca: transar
calcinha: cueca
cego: invisual
moça: rapariga
puta: meretriz
ponta: tesão
rebuçado: bala
pega: prostitua da rua
dar de corpo: defecar
frigideiro: pejorativo para gay
dar trancadas: transar
fraco da piça: broxa
Betinho: arrumadinho, Mauricinho

Está liberado:


Xana: nome feminino
bicha: fila
grelos: um tipo de verdura
cacetinho: pãozinho
puto, miúdo: criança (sexo masculino)
pica: injeção
punheta: prato com bacalhau cru desfiado
trepador: ciclista de montanhas
meter: não tem sentido sexual
gozar: tirar sarro, brincar
canalhas: grupo de crianças
cu ou rabo: bumbum, bunda
mulherengo: marialva
bestial: maravilhoso
gozar: brincar
piroco: cantada
chupa-chupa: pirulito
estar a brocha: estar aflito
sapateira: caranguejo (deve ser pelo número de patas)
borracho: rapaz ou moça bonito(a)
ficar menstruada: estar com histórias
xoninhas: ar de idiota
malta: grupo de amigos


Nenhum comentário:

Postar um comentário