sábado, 18 de março de 2017

Como se tornar um escritor


Por Neil Gaiman



→ Anote suas ideias. Se elas vão ser histórias, tente contar as histórias que você gostaria de ler. Termine as coisas que você começar a escrever. Faça isso muitas vezes e você será um escritor. A única maneira de fazer isso é fazendo.

→ Imagine, estou brincando. Existem maneiras muito mais fáceis de escrever. Por exemplo: no topo de uma montanha distante cresce uma árvore de folhas prateadas. Uma vez por ano, no amanhecer do dia trinta de abril, essa árvore dá cinco flores que, durante a próxima hora, dão uma frutinha cada, que primeiro é verde, depois preta, depois dourada.

→ No instante em que as cinco frutas se tornarem douradas, cinco corvos brancos que estavam esperando na montanha camuflados na neve vão mergulhar na árvore, arrancando gananciosamente todas as suas frutinhas, e vão voar para longe, às gargalhadas.

→ Com suas próprias mãos, você precisa capturar o menor destes corvos e forçá-lo a entregar a fruta (os corvos não as engolem. Eles as carregam, cruzando todo o oceano, até o jardim de um mago para depositá-las, uma a uma, na boca de sua filha, que só despertará de seu feitiço quando tiver ingerido mil dessas frutinhas). Quando você tiver obtido a fruta dourada, precisará deixá-la debaixo da língua e voltar direto para a sua casa.

→ Durante a próxima semana, você não poderá falar com ninguém, nem mesmo com seus entes queridos ou um policial que te parar por excesso de velocidade. Não diga nada. Não durma. Deixe a fruta quieta debaixo de sua língua.

→ À meia-noite do sétimo dia, vá ao lugar mais alto de sua cidade (é normal precisar escalar telhados nesta etapa) e, com a frutinha presa debaixo da língua, recite todos os versos do Ninho de Mafagafos. Não deixe a fruta escapar da língua. Não erre nenhuma palavra sequer, nem gagueje no Um ninho de mafagafa com sete mafagafinhos, quem desmafagaguifar bom desmafagaguifador será.

→ Então, e só então, você poderá engolir a fruta. Retorne à sua casa o mais rápido possível, pois você só terá no máximo meia hora antes de cair em um sono pesado.

→ Ao acordar pela manhã, você estará apto a organizar pensamentos e ideias no papel, e aí será um escritor.

Tradução de Guilherme Tauil


Nenhum comentário:

Postar um comentário