domingo, 27 de março de 2016

Copa Davis em Porto Alegre – 1998



Quadra de tênis montada ao lado do Parcão*

Um dos eventos mais legais que participei em Porto Alegre, quando ainda nem morava nesta cidade, foi a Copa Davis de tênis, realizada no Parcão, em 1998, na etapa contra a Espanha.

Toda uma estrutura de quadra de tênis, arquibancada e estandes de diversos patrocinadores do evento foi montada, modificando a paisagem de quem circulava pela Avenida Goethe. Por ali, passaram os tenistas brasileiros Gustavo Kuerten, Jaime Oncins (lembram dele?), Fernando Meligeni, André Sá e Alexandre Simone. E os espanhóis Alex Corretja, Carlos Moya, Julian Alonso e Javier Sanchez.

A torcida brasileira compareceu em massa nos jogos, e o Brasil acabou perdendo por 3x2. Lembro que num dos jogos de duplas, a torcida chamava o Sanchez de “Arantxa”, em alusão à tenista espanhola Arantxa Sanchez, irmã do tenista, ironizando sua atuação e tentando desconcentrá-lo. Foi engraçado! Paulo Santana também se encontrava na plateia, e, num momento, também a torcida se pôs a chamá-lo, só ficando satisfeita quando ele abanou de volta. O Moinhos foi sede de uma competição de primeiro mundo, muito bem organizada e que deixou os amantes do tênis extasiados com o nível dos jogos e do evento. Foi emocionante e inesquecível!

(Ângela Dal Pos)



Guga e Oncins festejando um ponto

No primeiro dia da competição, numa sexta feira, Guga ganhou do espanhol Carlos Moya, e Fernando Meligeni perdeu para Alex Corretja. A competição estava um a um. No sábado, Guga e Jaime Oncins ganharam no jogo de duplas. Dois a um para o Brasil. No domingo, haveria as duas últimas partidas de simples e o Brasil estava por uma vitória. Acabou perdendo as duas partidas, Guga para Correja e Meligeni para Moya, sendo eliminado. Espanha 3 X Brasil 2.

*Gostaríamos de dar o devido crédito da autoria de tão bela foto aérea do Parcão com quadra de tênis onde foram realizados os jogos dessa Copa Davis.


Nenhum comentário:

Postar um comentário