terça-feira, 15 de março de 2016

Principais Músicas da Bossa Nova

As 30 principais músicas da Bossa Nova


João Gilberto por Fraga 

(Zero Hora)

A Felicidade (Tom Jobim/Vinicius de Moraes), por Maria Creuza, Toquinho e Vinicius de Moraes.

Águas de Março (Tom Jobim), por Elis Regina e Tom Jobim.

Amazonas (João Donato/Lysias Ênio), por João Donato.

Balanço Zona Sul (Tito Madi), por Zimbo Trio.

Batida Diferente (Durval Ferreira/Maurício Einhorn), por Tamba Trio.

Berimbau (Baden Powell/Vinicius de Moraes), por Vinicius de Moraes e Quareto em Cy.

Bim Bom (João Gilberto).

Canto de Osanha (Vinicius de Moraes/Baden Powell), por Vinicius de Moraes e Qarteto em Cy.

Chega de Saudade (Tom Jobim/Vinicius de Moraes), por João Gilberto.

Corcovado (Qiet Nights of Qiet Stars) (Tom Jobim/Gene Lees/Buddy Kaye), por Tom Jobim e Frank Sinatra.

Desafinado (Tom Jobim/Newton Mendonça), por João Gilberto.

Dindi (Tom Jobim/Aloysio de Oliveira), por Sylvia Telles.

Ela é Carioca (Tom Jobim/Vinicius de Moraes), por Sérgio Mendes e Sexteto Bossa Rio.

Garota de Ipanema (Tom Jobim/Vinicius de Moraes/Norman Gimbet), por João Gilberto e Astrud Gilberto, Stan Getz e Tom Jobim.

Influência do Jazz (Carlos Lyra).

Insensatez (Tom Jobim/Vinicius de Moraes), por Tom Jobim.

Lobo Bobo (Carlos Lyra/Ronaldo Bôscoli), por Wilson Simonal.

Manhã de Carnaval (Luìs Bonfá/Antonio Maria), por Agostinho dos Santos, Luís Bonfá e Oscar Castro-Neves Quarteto.

Mas Que Nada (Jorge Ben), por Jorge Ben

Minha Namorada (Carlos Lyra/Vinicius de Moraes), por Os Cariocas.

Nanã (Moacyr Santos/Mário Telles).

O Barquinho (Roberto Menescal/Ronaldo Bôscoli), por Maysa.

Samba da Bênção (Vinicius de Moraes/Baden Powell), por Odete Lara.

Samba de Uma Nota Só (Tom Jobim/Newton Mendonça), por Nara Leão.

Samba do Avião (Tom Jobim), por Eumir Deodato.

Só Tinha de Ser com Você (Tom Jobim/Aloysio de Oliveira), por Os Cariocas.

Sonho de Maria (Marcos Valle/Paulo Sérgio Valle), por Tamba Trio.

Tarde em Itapoã (Vinicius de Moraes/Toquinho), por Toquinho e Maria Bethânia.

Você (Roberto Menescal/Ronaldo Bôscoli), por Dick Farney e Norma Benguell).

Wave (Tom Jobim).

Zelão (Sérgio Ricardo)

Tenho dito

“O poeta é terrível e suas palavras levam minhas mãos a acordes entre plantas retorcidas e longínquas galáxias.”

Tom Jobim, sobre Vinicius de Moraes

“Tudo que fiz foi para Tom.”

Chico Buarque

Eu acho que as palavras devem ser pronunciadas da forma mais natural possível. Qualquer mudança acaba alterando o que o letrista quis dizer com seus versos.”

João Gilberto

“Por que gravam cantores resfriados?”

Álvares Ramos, gerente das Lojas Assumpção de São Paulo,
Sobre o primeiro compacto de João Gilberto

Você é brasileiro, Tom. Você é preguiçoso.”

João Gilberto justificando a Jobim sua acuidade técnica
durante a gravação de Chega de Saudade

“Quando João Gilberto se acompanha, o violão é ele. Quando a orquestra o acompanha, a orquestra é ele.”

Tom Jobim

“Olha, bicho, não dá pra você. Você quer cantar igualzinho a João Gilberto – e nós já temos o João Gilberto!”

Roberto Menescal ao tentar convencer Roberto Carlos
 a não fazer bossa nova

“Pelo amor de Deus, pare com isso! Ela é a única que grava músicas minhas, do Cartola e do Nelson Cavaquinho.”

Zé Kéti a um jornalista que atacava o disco de 1964 de Nara Leão

“A última vez que cantei tão baixo foi quando tive laringite.”

Frank Sinatra a Tom Jobim nas gravações do primeiro LP dos dois

“Bossa Nova me aprece uma questão de terceiro sexo.”

Gabriel Migliori sobre os primeiros lançamentos do gênero

Assunto: Vinicius de Moraes. Demita-se esse vagabundo.
Ass. Arthur da Costa e Silva

Memorando do presidencial exonerando o poeta
do corpo diplomático brasileiro

“Os militares podem entender de canhão ou de metralhadora, mas não pescam nada de política.”

Nara Leão, em 1966, durante a ditadura


(Da revista "Desvendando a História" - especial - Bossa Nova)


Nenhum comentário:

Postar um comentário