sexta-feira, 4 de abril de 2014

Tenho dito

Frases interessantes de grandes nomes da literatura:


“Não te irrites se te pagarem mal um benefício;
antes cair das nuvens, que cair de um terceiro andar.”

(Machado de Assis, em uma das máximas de Brás Cubas em suas Memórias Póstumas)

§ § §

“Meu tempo é quando”

 (Vinicius de Moraes, em Poética)

§ § §

“Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem.”

(Mário Quintana, em Caderno H)

§ § §

Quem é belo / é belo aos olhos – e basta

Mas quem é bom / é subitamente belo.”

(Safo de Lesbos, poeta grego)

§ § §

“(...) nada impedirá meu caminho até a morte-sem-medo,
de qualquer luta ou descanso me levantarei forte e bela como um cavalo novo.”

(Clarice Lispector, em Perto do Coração Selvagem)

§ § §

         “Perdi-me dentro de mim
Porque eu era labirinto,
E hoje, quando me sinto,
É com saudades de mim.”

(Machado de Assis, em uma das máximas de Brás Cubas em suas Memórias Póstumas)

§ § §

“Sou homem! vencedor das mortes,  bem-nascidas além dos dias,
transfigurado além das profecias!”

(Mário de Andrade, em Meditação sobre o Tietê)

§ § §

“Ou o Universo é o delírio dum demônio, ébrio de sua maldade;
ou para além do extremo arco da ponte da vida nos espera o seio vasto
duma Bondade, a quem não esquece um ai, um suspiro só...”

(Antero de Quental, em carta a um amigo)



(Da Revista Discutindo Literatura – Ano 1 – número 1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário