sexta-feira, 1 de julho de 2016

Alfabeto emocional




Suas atitudes geram saúde ou doença. 

O Dr. Juan Hitzig estudou as características de alguns longevos saudáveis e concluiu que além das características biológicas, o denominador comum entre todos eles está em suas condutas e atitudes.

“Cada pensamento gera uma emoção e cada emoção mobiliza um circuito hormonal que terá impacto nos trilhões de células que formam um organismo – explica –.

As condutas “S”: → serenidade, silêncio, sabedoria, sabor, sexo, sono, sorriso, promovem secreção de Serotonina, enquanto que as condutas “R”: → ressentimento, raiva, rancor, repressão, resistências, facilitam a secreção de Cortisol, um hormônio coRRosivo para as células, que acelera o envelhecimento.

As condutas “S” geram atitudes “A”: → ânimo, amor, apreço, amizade, aproximação.

As condutas “R” pelo contrário geram atitudes “D”: → depressão, desânimo, desespero, desolação.

Aprendendo este alfabeto emocional, lograremos viver mais tempo e melhor, porque o “sangue ruim” (muito cortisol e pouca serotonina) deteriora a saúde, oportuniza as doenças e acelera o envelhecimento. O bom humor, pelo contrário, é a chave para a longevidade saudável.”

Tenha uma excelente vida! Plena de Serotonina!!!







Um comentário:

  1. Foi interessante ler esse texto, porque casualmente quando acordei hoje, me veio um pensamento, que se eu tivesse que dizer alguma característica minha eu diria que sou uma pessoa bem humorada, acho isso imprescindível.

    ResponderExcluir