quinta-feira, 20 de novembro de 2014

O estrangeirismo está tomando conta do Brasil



Samba do approach


Em 1999, o maranhense Zeca Baleiro fez o Samba do Approach,
uma paródia à macaqueação brasileira de palavras estrangeiras.

Vem provar meu brunch,
Saiba que eu tenho approach,
Na hora do lunch,
Eu ando de ferryboat.

Eu tenho savoir-faire,
Meu temperamento é light,
Minha casa e hi-tech,
Toda hora rola um insight.
Já fui fã de Jethro Tull,
Hoje me amarro no Slash,
Minha vida agora é cool,
Meu passado é que foi trash.

Fica ligada no link,
Que eu vou confessar, my Love,
Depois do décimo drink,
Só um bom e velho engov.
Eu tirei o meu green card
E fui pra Miami Beach.
Posso não ser pop star,
Mas já sou um noveau riche.

Eu tenho sex-appeal,
Saca só meu background.
Veloz como Damon Hill,
Tenaz como Fittipaldi.
Não dispenso um happy end.
Quero jogar no dream team.
De dia um macho man
E de noite uma drag Queen.


*Baixe e escute a música que está na internet.

O inglês imobiliário


01. American Double Suite = (banheiros independentes)

02. Baby House = (berçário ou fraldário)

03. Car Wash = (espaço para lavar carro)

04. Children Sport Set = (área de lazer para criança)

05. Closet = (área com armários planejados)

06. Double safe = (entrada com dois portões)

07. Fitness Track = (pista de corrida com aparelhos)

08. Free Space = (quarto reversível)

09. Grill Area = (churrasqueira)

10. Hobby Box = (depósito no subsolo)

11. Kids Place = (parque infantil)

12. Penthouse = (cobertura de andar inteiro)

13. Street Ball = (espaço para jogar basquete)

14. Studio = (quarto reversível)

15. Utility Space = (espaço multiuso)


Nenhum comentário:

Postar um comentário