segunda-feira, 31 de março de 2014

A mulher e seus homens:




Seu médico: → "Tire a roupa."

Seu psicanalista: → "Agora deite e relaxe."

Seu ginecologista: → “Relaxe"

Seu farmacêutico: → “Dói a cabeça?"

Seu dentista: → "Abra um pouco mais..."

Seu decorador: → "Quando estiver tudo dentro, você vai gostar."

Seu flanelinha: → "Vem... vem... assim... assim..."

Seu frentista: → "A senhora quer que eu troque o seu óleo?"

Vendedor de frutas: → "Pode segurar, mas não pode apertar."

Cabeleireiro: → "Vamos fazer uma coisa diferente?"

Peixeiro: → "Vai querer tudo ou só a metade?"

Professor de culinária: → "Isso, assim... mexe um pouco mais agora..."

Padeiro: → "Sim, está quentinho! Como a senhora gosta."

Feirante: → "Gostoso, não é? Pode experimentar outra vez..."

Seu marido: → "Hoje, outra vez? Assim não há quem aguente!"


Nenhum comentário:

Postar um comentário