domingo, 30 de março de 2014

Aula de Português

Você sabe a diferença entre tu e você?




Se vocês pensam que sabem então veja um pequeno exemplo abaixo,
que ilustra muito bem essa diferença:



O Gerente Geral de um Banco estava preocupado com um jovem e brilhante Diretor que, depois de ter trabalhado durante algum tempo com ele, sem parar para almoçar, começou a ausentar-se ao meio dia.

Então, o Gerente Geral do Banco chamou um detetive particular e disse-lhe:

- Siga o Diretor Lopes durante uma semana e veja o que ele faz no horário do almoço.

O detetive, após cumprir o que lhe havia sido pedido, voltou e informou:

- O Diretor Lopes sai normalmente ao meio dia, pega o seu carro, vai a sua casa almoçar e faz amor com a sua mulher, fuma um dos seus excelentes charutos cubanos e regressa ao trabalho no Banco.

 Responde o Gerente Geral:

 - Ah, bom, antes assim. Não há nada de mal nisso.

Logo em seguida, o detetive pergunta:

- Desculpe, senhor Gerente, posso tratá-lo por tu?

- Sim, claro, respondeu o Gerente, surpreendido.

- Bom, então vou repetir: O Diretor Lopes sai normalmente ao meio dia, pega o teu carro, vai a tua casa almoçar e faz amor com a tua mulher, fuma um dos teus excelentes charutos cubanos e regressa ao trabalho no Banco.

A Língua Portuguesa é mesmo fascinante!


Ä Ä Ä

Você saberia pontuar para as frases abaixo ficarem lógicas?


1. Um fazendeiro tinha um bezerro e a mãe do fazendeiro era também o pai do bezerro.
2. Carregar uma pedra do Rio a São Paulo uma andorinha só não faz verão.
3. Maria só toma remédio quando sua mãe disse ela traga a tolha.
4. Senhor morto está tarde chegamos.
5. Um navio holandês entrava no cais um navio inglês.

Para ficarem lógicas, elas ficariam assim:


1. Um fazendeiro tinha um bezerro e a mãe; do fazendeiro era também o pai do bezerro.
(mãe = a vaca / pai = o touro)

2. Carregar uma pedra do Rio a São Paulo, uma andorinha só não faz, verão. (verão =verbo)

3. Maria toma remédio quando sua; mãe, disse ela, traga a toalha. (sua = verbo)

4. Senhor, morto está, tarde chegamos.

5. Um navio holandês entrava (verbo entravar) no cais um navio inglês. (sem pontuação)

Nenhum comentário:

Postar um comentário