terça-feira, 27 de maio de 2014

Receita Humorística de Bolo



Por Maria Felicíssima de Carvalho


Acenda o forno.

Ponha à mão os utensílio e ingredientes.

Retire da mesa os lápis de cor, os automoveizinhos de brinquedo, soldadinhos etc.

Unte a forma.

Vá quebrando as nozes.

Meça duas xícaras de farinha.

Tire as mãos do Joãozinho da farinha.

Lave as mãos dele.

Passe uma descompostura no Joãozinho e torne a medir a farinha.

Acalme o choro do Joãozinho.

Ponha a farinha, o fermento e o mel na peneira.

Pegue a pá de lixo e junte os pedaços da tigela que o Joãozinho acaba de derrubar.

Apanhe outra tigela.

Não se lamente e não resmungue.

Atenda o guri do armazém.

Volte para a cozinha.

Tire as mãos do Joãozinho da tigela.

Lave o Joãozinho.

Atenda ao telefone.

Volte.

Retire o excesso de sal que o Joãozinho plantou na forma untada.

Procure o Joãozinho.

Unte outra vez a forma.

Atenda o berreiro da Martinha
   .
Volte à cozinha e tire as mãos do Joãozinho da tigela.

Pegue a forma untada e tire as cascas de nozes lá de dentro.

Limpe o chão onde se esparramou o ovo que o Joãozinho fez rolar da mesa.

Melhor: faça uma limpeza geral na cozinha, na mesa, nas paredes.

Agarre a Martinha no colo e segure o Joãozinho com a mão direita.

Se sobrar mão, telefone para a confeitaria e peça um bolo.

Descanse...

(No Almanaque do Correio do Povo de 1969)

Nenhum comentário:

Postar um comentário